Tudo o que precisas de saber sobre Detox: Alimentação

Detox alimentar: Tudo o que precisas de saber; Healthy Food; Eat Healthy

O Detox é algo que tem estado na ordem do dia, como se fosse uma coisa muito moderna e inovadora, mas a verdade é que não é mais do que desintoxicação. Com o stress, a exposição a agentes poluentes, a alimentação irregular, noites mal dormidas ou excesso de álcool numa festa, passámos a sentir uma maior necessidade de remediar os estragos, sabemos que estamos expostos a muitos agentes tóxicos e sabemos que é necessário e saudável eliminar as toxinas. É neste panorama que o Detox ganha fama.

Durante as próximas semanas vou trazer-vos artigos mais elaborados sobre Detox, porque há vários. Começamos pelo Detox Alimentar, por ser aquele que é responsável pela limpeza do organismo, de dentro para fora.

O Detox Alimentar pode ser feito de várias formas, umas mais seguras que outras: dieta, abstinência, consumir exclusivamente certos alimentos, evitar certas comidas ou certos alimentos ou até a limpeza do cólon. Se pretendes fazer um Detox mais a sério ou prolongado no tempo então deves mesmo consultar um médico, só ele te poderá a aconselhar sobre o que fazer e medir os riscos da dieta que escolheres. Se apenas queres aproveitar este fim de semana para limpar o organismo, ou queres saber como é que vais recuperar facilmente da ressaca depois do Halloween então podes aproveitar as dicas deste artigo.


//HIDRATAÇÃO

Uma excelente forma de eliminar toxinas é beber muita água. Não é só quando estás de ressaca, nem quando o jantar da noite passada abusava no picante, é sempre, todo o dia, todos os dias. Não pode haver excepções nem descuidos. Este passo é fundamental para a tua saúde e bem estar, com ou sem Detox, beber muita água é essencial.


//O QUE EVITAR COMER

Prepara a lupa, para este passo vai precisar de analisar os rótulos de tudo. Se queres purificar o organismo e ajudá-lo a expelir toda e qualquer toxina vais ter que eliminar isto da tua alimentação (mesmo que só queiras fazer um detox de um ou dois dias para te sentires melhor): Corta os alimentos que têm intensificadores de sabor (presentes em algumas bolachas, iogurtes, gelados, etc), corantes, pesticidas (ou seja tudo o que comeres deverá ter origem biológica) e conservantes (este é o mais complicado, a grande maioria das coisas que comemos tem conservantes, do leite ao queijo, do atum aos cereais, há mesmo muita coisa que usa conservantes tenta escolher mais alimentos da secção dos frescos, sim verduras, frutas e peixes frescos.

//O QUE COMER

Há alimentos que promovem o Detox, isto é, contribuem para a eliminação de toxinas. São eles a beterraba, o gengibre, a canela, a pimenta, o abacaxi e as maçãs - óptimos para o dia a seguir a uma festa- chá verde e água de côco são óptimos para te ajudarem a manter hidratada (mas a água continua a ser indispensável), a aveia, as amêndoas (mas não as da Páscoa!), o limão (mas cuidado com a acidez do estômago) e o abacate, que para além de saudável torna o teu pequeno almoço e Instagram super fancy.


//CUIDADOS A TER COM O DETOX

Não deixar de ingerir nutrientes, seja qual for o período do Detox que estás a fazer, não podes simplesmente beber água ou chá, podes optar por um ou dois dias de batidos desde que te certifiques que eles são ricos em nutrientes, e tenta juntar alguma proteína, como os espinafres por exemplo (é verde, eu sei, mas é uma das melhores soluções).
Se não te sentires bem com a dieta/detox que estás a fazer deves parar imediatamente e voltar ao teu regime alimentar habitual. -Who cares? Não és a pessoa que se dá bem a beber só suminhos, so what? O teu bem estar está primeiro!
Não deixes de controlar a tua saúde, lá porque estás a fazer uma coisa que é aparentemente saudável, para o teu organismo isso pode ser perigoso, se fizeres Detox durante mais de dois dias, vigia a tua tensão e a tua glicemia, pelo menos.

//EFEITOS

Em tudo o que fazemos, pode haver efeitos positivos e negativos. O Detox não é excepção. Acredita-se que os efeitos são fazer com que o organismo queime gordura localizada (mas ir ao ginásio é tanto ou mais eficaz), libertar toxinas que estão no sangue, que podem ser eliminadas através da pele, urina, fezes, transpiração e expiração.
Mas a medecina corrente aponta esta prática como desnecessária e, por vezes, arriscada. Acreditam que o corpo elimina as toxinas de forma natural, sempre que é necessário, consideram que é muito importante ter uma dieta saudável e equilibrada mas dizem que é muito perigoso e por vezes fatal fazer jejuns e outros tipos de Detox.
Daí que tenha começado por dizer que para certos regimes de Detox seja fundamental consultar um médico e vigiar sempre o estado da nossa saúde, antes, durante e após um Detox alimentar.

Apesar de parecer ser o Detox mais importante que podemos fazer ao nosso corpo, pode facilmente tornar-se no Detox mais arriscado. Não faças nada com que não te sintas confortável a fazer, mesmo que seja só por um dia, e sê sempre muito consciente com a tua saúde. Frequenta com alguma regularidade o teu médico e aprende mais sobre o teu corpo, o que te faz sentir bem ou mal, os sintomas e as necessidades.
E o meu conselho de amiga é: mais vale prevenir do que remediar, se achas que amanhã vais estar de ressaca e toda intoxicada, então pousa o copo e pede uma água! Não faças só porque os outros fazem, faz o que é melhor para ti!

Etiquetas: